Prova do HFA Fisioterapia em UTI Adulto

Língua Portuguesa

Uma dupla em 40 mil pacientes

Em caso raro no mundo, irmãos dividem doença metabólica incurável.

De quinze em quinze dias é preciso vir de São Bernardo do Campo a São Paulo para receber a dose obrigatória de enzima. Os dois irmãos dividem a experiência de uma vida em busca da causa das dores ósseas absurdas, do baço inchado, de um derrame cerebral, do desgaste do fêmur, de microinfartos nos ossos, da barriga crescida.
Por volta dos seis anos, Vinícius caiu durante uma brincadeira e começou a mancar. O problema não passava, e o médico indicou o uso regular de botas ortopédicas. O quadro piorou e resultou em uma osteonecrose da cabeça do fêmur esquerdo, que deixou uma perna maior do que a outra.
Para compensar a diferença, o menino passou a usar uma prótese nos quadris e não quis ir mais à escola. Foi alfabetizado e fez a primeira série em casa, com ajuda da mãe, a funcionária pública Roseli.
Aos três anos, Nathália também começou a reclamar de dores nos ossos, a ter o baço inchado e apresentou manchas roxas. As dores nos ossos das pernas que nem morfina aliviava também os conduziram a diversos ortopedistas – no histórico da saga médica, a mãe contabiliza sete diferentes especialistas e inúmeras teorias para o problema dos dois.
O último médico consultado comentou o caso com o filho, estudante de genética, que se interessou pela história e buscou mais informações. Vinícius, na época com 22 anos, e Nathália, com 15, ouviram pela primeira vez o nome da causa do mal-estar: doença de Gaucher, um erro inato do metabolismo raro e incurável desencadeado pela falta de uma enzima que trabalha no lisossomo.
Estima-se que uma em cada 40 mil crianças nasça com o problema. Há somente 6000 casos diagnosticados no mundo, sendo que cerca de 500 deles estão no Brasil. Mas a espera pelo diagnóstico correto demoraria mais um pouco: para confirmar se, de fato, a doença dos meninos era a de Gaucher, seria preciso enviar amostras de sangue para o Rio Grande do Sul, onde ficava o único laboratório do país que fazia o teste para a doença.
Pois justamente naquela época os Correios entraram em greve. Ao pedir urgência, a família conseguiu encurtar um pouco a agonia: os resultados chegaram em 60 dias. Atualmente, é possível fazer o teste também em São Paulo, no Laboratório de Erros Inatos do Metabolismo da Unifesp (Universidade Federal de São Paulo). Com o teste positivo em mãos, Roseli procurou um grupo especializado para tratar os filhos em São Paulo.

Folha de São Paulo, 18 de janeiro de 2009. Julliane Silveira (Texto adaptado)

1- Assinale a alternativa que resume corretamente a informação contida no texto, tanto em relação às normas gramaticais quanto ao conteúdo.
a) Os irmãos Vinícius e Nathália são portadores de uma doença chamada de Gaucher. Eles sofreram muito até saberem o diagnóstico, que foi conseguido por meio de um laboratório no Rio Grande do Sul. A doença é caracterizada por um erro inato do metabolismo, erro esse desencadeado pela falta de uma enzima que trabalha no lisossomo. Atualmente os irmãos são atendidos em São Paulo, onde recebem doses da enzima que não produzem.

b) Os irmãos Vinícius e Nathália são portadores de uma doença, rara, chamada de doença de Gaucher. A doença, é caracterizada por um erro inato do metabolismo raro e incurável, desencadeado pela falta de uma enzima que trabalha no lisossomo. Atualmente os irmãos recebem tratamento em São Paulo.

c) A história de Vinícius e Nathália é marcada pela doença de Gaucher, que caracteriza-se por por um erro inato do metabolismo raro e incurável. O diagnóstico da doença foi realizado no Rio Grande do Sul. Atualmente os irmãos são atendidos em São Paulo, onde recebem doses da enzima que não produzem.

d) Os irmãos Vinícius e Nathália são portadores de uma doença chamada de Gaucher. Eles sofreram muito até descobrirem o diagnóstico que foi conseguido por meio de um laboratório, no Rio Grande do Sul. A doença, é caracterizada por um, erro inato do metabolismo raro e incurável, desencadeado pela falta de uma enzima que trabalha no lisossomo. Atualmente os irmãos são atendidos em São Paulo, onde recebem doses da enzima que não produzem.

e) Os dois irmãos, Vinícius e Nathália, são portadores da doença de Gaucher. Eles sofreram muito até descobrirem o diagnóstico que foi conseguido por meio de um laboratório no Rio Grande do Sul. A doença, é caracterizada por um erro nato do metabolismo raro e incurável desencadeado pela falta de uma enzima que trabalha no lisossomo. Atualmente os irmãos são atendidos em São Paulo, onde recebem doses da enzima que não produzem.

2- “Vinícius, na época com 22 anos, e Nathália, com 15, ouviram pela primeira vez o nome da causa do mal-estar: doença de Gaucher, um erro inato do metabolismo raro e incurável desencadeado pela falta de uma enzima que trabalha no lisossomo”.
Assinale a alternativa que substitui o termo destacado sem prejuízo semântico.

a) Vinícius, na época com 22 anos, e Nathália, com 15, ouviram pela primeira vez o nome da causa do mal-estar: doença de Gaucher, um erro originado do metabolismo raro e incurável desencadeado pela falta de uma enzima que trabalha no lisossomo.

b) Vinícius, na época com 22 anos, e Nathália, com 15, ouviram pela primeira vez o nome da causa do mal-estar: doença de Gaucher, um erro congênito do metabolismo raro e incurável desencadeado pela falta de uma enzima que trabalha no lisossomo.

c) Vinícius, na época com 22 anos, e Nathália, com 15, ouviram pela primeira vez o nome da causa do mal-estar: doença de Gaucher, um erro proveniente do metabolismo raro e incurável desencadeado pela falta de uma enzima que trabalha no lisossomo.

d) Vinícius, na época com 22 anos, e Nathália, com 15, ouviram pela primeira vez o nome da causa do mal-estar: doença de Gaucher, um erro funcional do metabolismo raro e incurável desencadeado pela falta de uma enzima que trabalha no lisossomo.

e) Vinícius, na época com 22 anos, e Nathália, com 15, ouviram pela primeira vez o nome da causa do mal-estar: doença de Gaucher, um erro impróprio do metabolismo raro e incurável desencadeado pela falta de uma enzima que trabalha no lisossomo.

3) Leia as alternativas abaixo e assinale a correta em relação à preposição.
a) "De quinze em quinze dias é preciso vir de São Bernardo do Campo a São Paulo para receber a dose obrigatória de enzima ." (O valor da preposição destacada é de lugar).

b) "Os dois irmãos dividem a experiência de uma vida em busca da causa das dores ósseas absurdas, do baço inchado, de um derrame cerebral, do desgaste do fêmur, de microinfartos nos ossos, da barriga crescida." (A preposição destacada apresenta a combinação de "em" com "os" e tem valor de instrumento).

c) "Vinícius, na época com 22 anos, e Nathália, com 15, ouviram pela primeira vez o nome da causa do mal-estar: doença de Gaucher, um erro inato do metabolismo raro e incurável desencadeado pela falta de uma enzima que trabalha no lisossomo." (O valor da preposição destacada é de finalidade).

d) "Ao pedir urgência, a família conseguiu encurtar um pouco a agonia: os resultados chegaram em 60 dias." (O valor da preposição destacada é de tempo).

e) "Foi alfabetizado e fez a primeira série em casa, com a ajuda da mãe, a funcionária pública Roseli." (O valor da preposição destacada é de causa).

4- Assinale a alternativa que apresenta erro quanto ao uso de pontuação.
a) Hoje, os irmãos conseguem viver quase normalmente com a ajuda da transfusão da enzima.

b) É curioso o fato de muitos médicos não conseguirem encontrar o diagnóstico da doença.

c) O médico consultado, que encontrou a causa do mal-estar, está estudando o caso minunciosamente.

d) Com muita força de vontade os irmãos fazem o tratamento em São Paulo.

e) É importante ressaltar que, atualmente, o tratamento para a doença está mais avançado.

5- Em relação à regência verbal, assinale a alternativa correta.
a) A descoberta da doença não agradou os médicos que fizeram o diagnóstico errado.

b) Os irmãos nunca se esqueceram das pessoas que ajudaram na descoberta da doença.

c) Os médicos anteriormente consultados não obedeceram os procedimentos corretos para a descoberta da doença.

d) Mesmo não encontrando a origem do problema dos filhos, dona Roseli pagou os médicos com muito sacrifício.

e) Os irmãos sempre lembram, em suas entrevistas, dos especialistas que não trabalharam de forma correta para encontrar a origem do problema.

6- Em relação ao uso do pronome, assinale a alternativa correta.
a) Os dois irmãos não lembram-se do dia em que apresentaram os primeiros sintomas da doença. (O uso do pronome destacado está correto, pois a regra admite a anteposição ou a posposição do pronome).

b) A notícia segundo que os irmãos apresentam a doença de Gaucher é uma descoberta importante. (O uso do pronome destacado é correto e pode ser substituído por a qual).

c) A cidade que os irmãos visitaram para realizar o exame é muito longe de onde moram. (O pronome destacado pode ser substituído por a qual, pois se refere à coisa).

d) Vinícius feriu-se gravemente quando brincava com os colegas. (O uso do pronome destacado está incorreto, já que a regra admite somente a anteposição do pronome).

e) Já se sabe a cidade cujos irmãos precisarão fazer o tratamento. (O uso do pronome destacado está correto e pode ser substituído por em que).

7- Leia as alternativas referentes à concordância nominal e assinale a alternativa correta.
I- No período: "Os irmãos ficaram bastante nervosos com o resultado dos exames realizados", a palavra destacada possui valor de advérbio e, por isso, permanece invariável.

II- No período: "Os irmãos ficaram a sós com o médico para falar sobre o tratamento", o uso do termo destacado, quando a frase estiver no plural, permanece invariável, como no exemplo:"O irmão ficou a sós com o médico para falar sobre o tratamento."

III- No período: "Foi necessária muita paciência para que se descobrisse a doença dos dois irmãos", o uso da palavra destacada está correto, pois deve concordar com "muita paciência".

IV- No período: "Cautela é bom para que não haja problemas no tratamento - afirma a mãe de Nathália e Vinícius", o uso da palavra destacada está incorreto, pois o adjetivo não está adequado à frase. O certo seria o uso de uma palavra do gênero feminino.

É correto o que se afirma em
a) I e II, apenas.
b)II e III, apenas.
c) III e IV, apenas.
d) I, II e III, apenas.
e) II, III e IV, apenas.

8- Assinale a alternativa que apresenta o uso e a explicaçãocorretos sobre a pontuação.
a) Certamente, Nathália e Vinícius, valorizam mais o viver do que muitas pessoas saudáveis: fato este que foi percebido e comentado pelos amigos. (O uso da vírgula separando o sujeito "Nathália e Vinícius" está correto, pois é necessário isolá-lo da frase).

b) Depois da reportagem, muitas pessoas passaram a conhecer suas angústias. Todos ficaram a par do que aconteceu: as dores insuportáveis, a busca interminável pelo diagnóstico, a vontade de vencer o problema. (O uso dos dois pontos está correto porque indica uma enumeração de coisas ou acontecimentos).

c) Os dois irmãos confessaram que gostariam de conhecer a cidade onde se realizaram os exames e se descobriu a doença. Nathália disse à reportagem:
_ Gostaria de ir até lá e conhecer a equipe que se empenhou na busca do diagnóstico. (O uso dos dois postos serviu para esclarecer e reforçar a fala de Nathália).

d) O diagnóstico revelou uma doença de difícil tratamento. Os irmãos estão confiantes no tratamento, mas os médicos, no entanto... (O uso das reticências serve para indicar certa indecisão na fala da pessoa).

e) A doença foi descoberta no Rio Grande do Sul, e tratada em São Paulo. (O uso da vírgula está correto porque separa duas orações coordenadas).

9- "Embora a origem do problema tenha sido descoberta, há muitos procedimentos a serem feitos para que o tratamento possa ser iniciado." Assinale a alternativa que substitui a palavra destacada sem que haja prejuízo semântico.
a) "Ainda que a origem do problema tenha sido descoberta, há muitos procedimentos a serem feitos para que o tratamento possa ser iniciado."

b) "Logo que a origem do problema tenha sido descoberta, há muitos procedimentos a serem feitos para que o tratamento possa ser iniciado."

c) "Uma vez que a origem do problema tenha sido descoberta, há muitos procedimentos a serem feitos para que o tratamento possa ser iniciado."

d) "A menos que a origem do problema tenha sido descoberta, há muitos procedimentos a serem feitos para que o tratamento possa ser iniciado."

e) "À medida que a origem do problema tenha sido descoberta, há muitos procedimentos a serem feitos para que o tratamento possa ser iniciado."

10- Assinale a alternativa incorreta em relação ao uso ou não da crase.
a) Os irmãos foram a muitas instituições em busca de ajuda para a cura da doença.

b) Nathália é uma garota muito simpática. Todos os amigos se referem à ela com muito carinho.

c) Vinícius precisou ser levado às pressas ao hospital quando se machucou.

d) À medida que envelhecem, os irmãos sentem o peso da doença.

e) O médico chegou às 10h para prestar atendimento aos irmãos.

Políticas de Saúde

11- Os gestores do Sistema Único de Saúde do Município de Monte Belo admitirão Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias por meio de processo seletivo público, segundo notícia divulgada na última sexta-feira pelo noticiário local. As bases legais para que este processo seletivo ocorra encontram-se na
a) NOB/96
b) Lei 8.080/90
c) Lei 8.142/90
d) NOAS-SUS 01/02
e) Constituição Federal

12- Sobre a promoção de saúde, julgue as afirmativas abaixo.
I- A promoção da saúde no contexto brasileiro significa uma das bases do SUS e encontra-se instituída em normas que definem as responsabilidades dos municípios e seus compromissos com a coletividade por meio de uma gestão participativa e transparente.

II- Promover a saúde exige, exclusivamente que o governa assuma seu papel na criação de ambientes sociais, que suportem as oportunidades e as escolhas saudáveis, explicitando, assim, o comprometimento político com a população.

III- As intervenções voltadas para a promoção da saúde englobam tanto medidas que levam ao estabelecimento de condições e requisitos para a saúde, quanto medidas que favorecem o desenvolvimento de habilidades dos indivíduos para que possam fazer opções voltadas para a saúde.

IV- A promoção da saúde é restrita ao setor da saúde, e resulta de ações nas esferas municipal, estadual e federal que agem nos determinantes gerais da saúde e da qualidade de vida.

V- No contexto da promoção da saúde da criança, as medidas se restringem ao ambiente familiar em que a criança está inserida, através de ações que garantam o direito à saúde e à cidadania.

É correto o que se afirma em
a) I, apenas.
b) I e III, apenas.
c) II e V, apenas.
d) II e IV, apenas.
e) I, III, IV e V, apenas.

13- É uma doença infecciosa de etiologia viral que pode transcorrer de forma subclínica ou com sintomatologia de distintos graus de gravidade, que variam desde uma febre passageira a uma encefalite grave.
O vírus pode infectar humanos, aves, cavalos e outros mamíferos, e pode ser transmitido quando um mosquito infectado pica um humano ou animal para se alimentar. A competência vetorial está diretamente ligada à abundância do vetor no local, além da prática da antropofilia e ornitofilia.
(Fonte: Guia de Vigilância Epidemiológica. Secretaria de Vigilância em Saúde/MS/2005)

O texto se refere a uma doença de notificação compulsória denominada

a) febre amarela
b) hantavirose
c) febre do Nilo Ocidental
d) febre maculosa
e) dengue.

14- A combinação de dados demográficos e epidemiológicos que possa traduzir os níveis de saúde de uma população é expresso através de indicadores: estes indicadores podem ser coeficientes ou índices.
O índice que expressa a porcentagem de pessoas que morreram com 50 anos ou mais em relação ao total de óbitos em uma determinada população denomina-se

a) Índice Geral de Natalidade
b) Índice Vital de Pearl
c) Índice de Swaroop & Uemura
d) Índice de Desenvolvimento Humano
e) Índice Geral de Mortalidade

15- No conjunto da ampliação do acesso e da qualidade da atenção básica, a NOAS-SUS 01/02 define como áreas de atuação estratégicas mínimas da condição de Gestão Plena da Atenção Básica Ampliada o (a)
a) controle da malária
b) controle da leishmaniose tegumentar
c) eliminação do Calazar
d) erradicação da doença de Chagas
e) eliminação da hanseníase

Noções de Legislação

16- A reinvestidura do servidor estável no cargo anteriormente ocupado, ou no cargo resultante de sua transformação quando invalidada a sua demissão por decisão administrativa ou judicial, com recebimento de todas as vantagens, denomina-se
a) reintegração
b) recondução
c) readaptação
d) reversão
e) estabilidade

17- Não corresponde à penalidade disciplinar, segundo as disposições da Lei 8.112, de 11 de dezembro de 1990.
a) advertência
b) multa
c) suspensão
d) demissão
e) destituição de função comissionada

18- Considera-se serviço noturno, segundo dispõe a Lei 8.112/1990, o serviço prestado em horário compreendido entre.
a) 18 (dezoito) horas de um dia e 6 (seis) horas do dia seguinte
b) 18 (dezoito) horas de um dia e 5 (cinco) horas do dia seguinte
c) 22 (vinte e duas) horas de um dia e 5 (cinco) horas do dia seguinte
d) 20 (vinte) horas de um dia e 5 (cinco) horas do dia seguinte
e) 20 (vinte) horas de um dia e 6 (seis) horas do dia seguinte

19- No que tange à responsabilidade civil do servidor público, assinale a alternativa correta conforme a Lei 8.112/1990.
a) Tratando-se de dano causado a terceiros, responderá o servidor perante a fazenda pública, em ação regressiva, não se estendendo a obrigação de reparar o dano aos seus sucessores e nem contra eles.

b) Tratando-se de danos causado a terceiros, não responderá o servidor perante a fazenda pública, em ação regressiva, pois a responsabilidade é da fazenda, não admitindo ação regressiva contra este servidor que agiu em nome da administração

c) A obrigação de reparar o dano causado a terceiros é apenas do servidor, não podendo estender-se aos sucessores

d) A obrigação de reparar o dano estende-se aos sucessores e contra eles será executada, até o limite do valor da herança recebida

e) A obrigação de reparae o dano estende-se aos sucessores e contra eles será executada, podendo a fazenda executar valor que exceda o da herança recebida para satisfazer sua pretensão

20- De acordo com a Lei Federal nº 8.112/1990, se aposse não ocorrer no prazo legal, o ato de provimento será tornado sem efeito e, se o servidor empossado não entrar em exercício, este servidor será
a) nomeado pela imprensa para ocupar o cargo
b) dispensado
c) advertido
d) suspenso
e) exonerado

21- Sobre as penalidades disciplinares previstas na Lei Federal 8.112/1990, assinale a alternativa correta sobre a penalidade de suspensão.

a) A suspensão será aplicada em caso de reincidência das faltas punidas com advertência e de violação das demais proibições que não tipifiquem infração sujeita à penalidade de demissão, não podendo exceder de 90 (noventa) dias.

b) A suspensão será aplicada em caso de reincidência das faltas punidas com advertência e de violação das demais proibições que não tipifiquem infração sujeita à penalidade de demissão, podendo exceder de 90 (noventa) dias.

c) A suspensão será aplicada em caso de reincidência das faltas punidas com advertência e de violação das demais proibições que não tipifiquem infração sujeita à penalidade de demissão, não podendo exceder de 60 (sessenta) dias.

d) A suspensão será aplicada em caso de reincidência das faltas punidas com advertência e de violação das demais proibições que não tipifiquem infração sujeita à penalidade de demissão, podendo exceder de 60 (sessenta) dias.
e) A suspensão será aplicada em caso de reincidência das faltas punidas com advertência e de violação das demais proibições que não tipifiquem infração sujeita à penalidade de demissão, não podendo ser inferior a 30 (trinta) dias, e não podendo exceder de 60 (sessenta) dias.

22- Ao servidor do Hospital das Forças Armadas que praticar incontinência pública e conduta escandalosa na repartição, será aplicada a penalidade disciplinar de
a) advertência
b) demissão
c) suspensão
d) cassação de aposentadoria
e) disponibilidade

23- Nos termos da Lei nº 8.112/1990, se ocorrer o nascimento ou adoção de filhos, o servidor terá direito à licença paternidade de
a) 3 (três) dias consecutivos
b) 4 (quatro) dias consecutivos
c) 5 (cinco) dias consecutivos
d) 6 (seis) dias consecutivos
e) 7 (sete) dias consecutivos

24- Nos moldes das narrativas da Lei nº 8.112/1990, analise a asseriva abaixo e assinale a alternativa que a complete corretamente

Sem qualquer prejuízo, o servidor poderá ausentar-se do serviço por

a) 3 (três) dias, para listar-se como eleitor
b) 3 (três) dias, para doação de sangue
c) apenas 1 (um) dia, para listar-se como eleitor
d) 1 (um) dia, para doação de sangue
e) 7 (sete) dias alternados, em razão de casamento

25- Quanto à penalidade disciplinar de suspensão, a ação disciplinar prevista na Lei nº 8.112/1990 prescreve em
a) 5 (cinco) anos
b) 4 (quatro) anos
c) 3 (três) anos
d) 180 (cento e oitenta) dias
e) 2 (dois) anos

Conhecimentos Específicos

26- Em relação ao transporte e à eliminação de gases nos seres humanos, é correto afiemar que o gás carbônico pode ser transportado no sangue de
a) 5 maneiras
b) 2 maneiras
c) 4 maneiras
d) 3 maneiras
e) 1 maneira

27- A nomenclatura dos volumes pulmonares é muito utilizada na prática clínica do fisioterapeuta. Pode-se definir a capacidade residual funcional (CRF) como o volume de ar
a) que sai dos pulmões a partir do final da expiração normal até uma expiração máxima
b) exalado, partindo-se de uma inspiração máxima até uma expiração máxima
c) contido nos pulmões ao final de uma expiração não forçada
d) que permanece nos pulmões após uma expiração máxima
e) contido nos pulmões ao final de uma inspiração máxima

28- Com base na anatomia, a aferência nervosa dos quimiorreceptores carotídeos, importantes para o controle da respiração, é o nervo

a) frênico, que se junta ao vago
b) do corpúsculo carotídeo, que se junta ao glossofaríngeo
c) do corpúsculo aórtico, que se junta ao vago
d) ventrolateral, que se junta ao bulbo
e) glossofaríngeo, que se junta à área rostral do núcleo do trato solitário

29- As apnéias obstrutivas do sono têm grande importância por serem muito comuns na população em geral e por se constituírem num problema de saúde pública. O tratamento da Síndrome da Apnéia Obstrutiva do Sono (SAOS) se baseia em
I- perda de peso, pois 70% dos pacientes com SAOS apresentam obesidade ou sobrepeso

II- prótese dentária com avanço mandibular, colocadas durante a noite, tendo sua maior indicação nos casos de apnéia grave, devido ao desconforto que proporciona ao paciente

III- uvulopalatofaringoplastia, que visa a impedir o colabamento das vias aéreas. A efetividade dessa cirurgia é limitada na maioria dos casos

IV- pressão positiva contínua nas vias aéreas, que impede o colabamento da via aérea superior. É utilizada em casos de apnéia moderada a grave

É correto o que se afirma em
a) I, apenas.
b) I e II, apenas.
c) III e IV, apenas.
d) I, III e IV, apenas
e) I, II, III e IV

30- Paciente de 49 anos, sexo masculino, é diagnosticado como portador de Síndrome de Guillain Barré (SGB). Internado em terapia intensiva e intubado há 7 dias, apresenta comprometimento grave de toda a musculatura respiratória, sem condições de gerar força para disparar a sensibilidade do ventilador mecânico, mesmo com esta regulada para 01 cmH²O. Co base nessas informações, é correto afirmar que, na SGB, o nível em que se dá o comprometimento neurológico e o modo ventilatório recomendado para o paciente descrito acima são, respectivamente,
a) nível periférico e modo de ventilação em Pressão Suporte (PS)
b) nível central e Modo Controlado (CMV)
c) nível periférico e Modo Assistido/Controlado (A/C)
d) nível central e Modo Assistido/Controlado (A/C)
e) nível central e Modo Mandatório Intermitente Sincronizado (SIMV)

31- A monitorização da Pressão Intracraniana (PIC) faz parte da prática diária dos grandes centros de especialidade neurocirúrgica. Os valores toleráveis de PIC, antes de se instituírem medidas anti-hipertensivas, em pacientes neurológicos, é de até
a) 30 cmH²O
b) 20 cmH²O
c) 10 cmH²O
d) 35 cmH²O
e) 25 cmH²O

32- A emenda constitucional número 29 de 13 de setembro de 2000, foi elaborada para
I- criar o Fundo de Combate e Erradicação da Pobreza
II- assegurar e existência de equipe de saúde completa em municípios com mais de 10.000 habitantes
III- assegurar recursos mínimos para o financiamento da ações e serviços públicos de saúde
IV- criar o Programa de Saúde da Família, vinculando-o ao Sistema Único de Saúde
V- assegurar ao cidadão braileiro o direito a assistência médica e reabilitacional, em caso de doença incapacitante, com todo o custeio coberto peo SUS

É correto o que se afirma em
a) II, apenas.
b) III e IV, apenas.
c) I, III e IV, apenas.
d) I, IV e V, apenas.
e) III, apenas

33- De acordo com a Norma Operacional da Assistência à Saúde/SUS 01/2002 (NOAS/SUS), o Plano Diretor de Regionalização deverá ser elaborado na perspectiva de garantir o acesso dos cidadãos, o mais próximo possível de sua residência, a um conjunto de ações e serviços vinculados a responsabilidades mínimas, com:
I- assistência pré natal, parto e puerpério
II- acompanhamento do crescimento e desenvolvimento infantil
III- ações de promoção da saúde e prevenção de doenças
IV- tratamento das intercorrências mais comuns na infância
V- tratamento fisioterapêutico ao paciente com doenças ocupacionais relacionadas ao trabalho

É correto o que se afirma em
a) I, II e V, apenas.
b) II, III, IV e V, apenas.
c) I, II, III e IV, apenas.
d) III, IV e V apenas.
e) I e V, apenas.

34- Na reabilitação ortopédica, é muito importante para o fisioterapeuta entender quais os tipos de fibras musculares serão trabalhadas, de acordo com os objetivos do programa de reabilitação. Com relação às fibras musculares do tipo I, considere as afirmações abaixo.
I- possuem velocidade contração lenta
II- possuem alta capacidade glicolítica anaeróbica
III- possuem baixo volume de mitocôndrias
IV- possuem resistência à fadiga maior do que as fibras IIx

É correto o que se afirma em
a) I, II, III e IV
b) I, II e III, apenas.
c) II e III, apenas.
d) II e IV, apenas
e) I e IV, apenas

35- A termorregulação dos seres humanos é mantida por um fino sistema de controle. Das estruturas abaixo, é considerado (a) o centro do controle da temperatura corporal(a)
a) hipotálamo
b) bulbo
c) hipófise
d) tireóide
e) glândula pineal

36- A estrutura localizada na junção miotendinosa e estimulada durante o alongamento, que inibe a tensão muscular e permite o alongamento dos sarcômeros, é chamada de
a) Motoneurônio alfa
b) Órgão tendinoso de Golgi
c) Corpúsculo de Meissner
d) Túbulos T
e) Corpúsculos de Ruffini

37- As avaliações dos graus de curvatura em uma escoliose são dadas pela mensuração do ângulo de
a) Fleck
b) Jones
c) Paget
d) Cobb
e) Homans

38- A Pata de Ganso é composta pelos tendões dos músculos
a) grácil, semimembranoso e semitendinoso
b) grácil, semitendinoso e sartório
c) vasto medial sartório e grácil
d) bíceps femoral, semitendinoso e sartório
e) tensor da fáscia lata , semitendinoso e sartório

39 - O cérebro humano recebe oxigênio e glicose por meio do sangue. No sistema de alto regulação do fluxo sanguíneo cerebral (FSC), como se comportam a Resistência Cerebrovascular (RCV) e Pressão Arteria Sistêmica (PA)?
a) Nos aumentos da PA, ocorre diminuição da RCV, aumentando o FSC
b) Nas diminuições da PA, ocorre diminuição da RCV, diminuindo o FSC
c) Nos aumentos da PA, ocorre aumento da RCV, diminuindo o FSC
d) Nas diminuições da PA, ocorre aumento da RCV, mantendo o FSC constante
e) Nas diminuições da PA, ocorre diminuição da RCV, mantendo o FSC constante

40- O valor da pressão parcial de oxigênio no ar seco, ao nível do mar (em mmHg), é
a) 100
b) 85 a 100
c) 120
d) 159
e) 273

41- A necessidade de suporte ventilatório é decorrente da incapacidade, temporária ou não, do sistema respiratório desempenhar suas funções. São alguns critérios para iniciar o desmame da ventilação mecânica a

a) presença do estímulo (drive) ventilatório, instabilidade hemodinâmica; PaO²/FiO² <200;>
b) presença do estímulo (drive) ventilatório, estabilidade hemodinâmica; PaO²/FiO² menor 200
c) ausência de estímulo (drive) ventilatório; agitação; instabilidade hemodinâmica; PaO²/FiO² >200
d) ausência do estímulo (drive) ventilatório, estabilidade hemodinâmica; PaO²/FiO² >200; controle da causa determinante da ventilação mecânica
e) presença do estímulo (drive) ventilatório, estabilidade hemodinâmica; PaO²/FiO² >200; controle da causa determinante da ventilação mecânica

42- Retirar o paciente da ventilação mecânica pode ser mais difícil que o manter. Um dos auxiliadores para o desmame é o teste de respiração espontânea que indica, quando realizado com sucesso, a retirada da via aérea artificial. Porém, sabe-se do fracasso do teste quando o paciente
a) não apresenta sinais de desconforto respiratório, apresenta respostas coerentes ao comando verbal, mantém frequência cardíaca adequada SpO²= 96% e frequência respiratória entre 12-20 PAS= 120
b) permanece no teste por mais que 30 minutos sem queixas ou desconforto
c) apresenta sinais como agitação, sudorese, alteração hemodinâmica, frequência respiratória acima 35 e PAS .180 ou 90 a 140 bpm e SpO² menor 90%
d) permanece estável hemodinamicamente durante o teste, colaborativo e sem queixas
e) fica sonolento, não contactuando, o que impossibilita a realização do teste

43- Na tentativa da extubação, realiza-se o teste de ventilação espontânea, porém existem casos em que o paciente não apresenta uma boa desenvoltura. Nesse caso, a conduta a ser tomada consiste em

a) manter o paciente no teste de respiração espontânea e aumentar a oferta de oxigênio

b)solicitar à equipe médica sedação contínua e elevar todos os parâmetros ventilatórios

c) manter o paciente no teste de respiração espontânea e diminuir a oferta de oxigênio

d) retornar o paciente para a ventilação mecânica com parâmetros adequados para o seu conforto por 24 horas

e)retornar o paciente para ventilação mecânica com pressão de suporte baixa por 30 minutos para a realização do próximo teste

44- Na admissão de um pós-operatório imediato de cirurgia cardíaca, sem intercorrências durante o intraoperatório, prioriza-se a adequação da ventilação mecânica invasiva, a monitorização do paciente quanto à FC, PA, SpO², e a ausculta pulmonar para detectar presença de ruídos adventícios e a posição seletiva da cânula orotraqueal. Quando desligada a sedação, a avaliação neurológica é muito importante associada a esses outros parâmetros, pois tem a finalidade de

a) realizar posicionamento no leito e mobilização articular de MMSI

b) evitar edemas de extremidades, posicionando MMSI elevados com uso de coxins

c) realizar manobras de higiene brônquica e reexpansão pulmonar

d) manter as via aéreas pérveas, pulmões expandidos e garantir uma extubação precoce

e) realizar mudanças de decúbito, prevenindo formação de escaras

45- Durante o período de internação na UTI, os cuidados que se deve ter com a via aérea artificial é
a) manter o cuff 0,5cm acima da carina, insuflado com pressão de 40cmH²O

b) posicionar o cuff 0,5cm abaixo da carina, insuflado com pressão de 25cmH²O

c) posicionar o cuff próximo das cordas vocais, insuflado com pressão de 10cmH²O

d) posicionar cuff no 1/3 médio da traquéia, insuflado o máximo possível

e) posicionar o cuff a 2cm da carina, insuflado entre 15 e 25cmH²O

46-São indicações para o uso de Ventilação Mecânica Não-invasiva (VNI), exceto o (a)
a) exacerbação de DPOC
b) pós-operatório imediato de cirurgia do esôfago
c) exacerbação da asma
d) edema pulmonar agudo
e) pós-operatório imediato de cirurgia cardíaca

47- Paciente no pós-operatório imediato cardíaco com CEC 85 minutos, sem intercorrências, já extubado, recebendo oferta de O² por máscara de nebulização 5L/min com SpO²= 98%, eupnéico, estável hemodinamicamente, colaborativo, com gasometria arterial: 7,40/ 38/ 136/ -2,5/ 23/ 97%. Em relação à oxigenioterapia, a melhor conduta é

a) alterar a oferta de O² para cateter nasal 2L/min, mantendo SpO² > 90%
b) aumentar a oferta de O² para 10L/min na máscara de nebulização
c) alterar a máscara de nebulização de 5L/min para venturi 50%, mantendo SpO² <90%>
d) aumentar oferta de O² para 15L/min em máscara de nebulização
e) alterar oferta de O² para vapor Jet 7L/min com distância de aproximadamente 30cm

48- A ventilação não-invasiva tem como objetivo
a) diminuir o trabalho respiratório, melhorar oxigenação, diminuir a frequência respiratória, reduzir a PaCO² e evitar IOT

b) aumentar o trabalho respiratório, aumentar a frequência respirtória e aumentar a PaCO²

c) preparar o paciente para intubação orotraqueal

d) diminuir o trabalho respiratório, diminuir a oxigenação, aumentar a frequência respiratória e aumentar os índices de IOT

e) aumentar o trabalho respiratório, melhorar a oxigenação, diminuir a frequência respiratória e aumentar a PaCO²

49- Paciente 65 anos, internado por BCP. Iniciado ATB, no momento recebendo O² por cateter nasal 2L/min SpO²= 88% AP: MV+ diminuído em HTX D co EC em base D + roncos esparsos. Apresenta tosse ineficaz produtiva. Gasometria arterial: 7,30/ 50/ 70/ -2/ 24/ 91%. Respectivamente, a melhor conduta a ser tomada, neste caso, é

a) instalar VNI sem O² por 1 hora e, posteriormente, realizar aspiração nasotraqueal

b) retirar oferta de O², realizar manobras de higiene brônquica e aguardar tosse espontânea

c) aumentar a oferta de O² no cateter observando SpO² >90%, realizar manobras de higiene brônquica, realizar aspiração nasotraqueal e instalar VNI com oferta de O²

d) diminuir oferta de O² no cateter, realizar manobras de higiene brônquica e realizar aspiração nasotraqueal

e) instalar imediatamente VNI por 1 hora e aumentar oferta de O² até SpO² >90%

50- O consumo de oxigênio do miocárdio é alto, mesmo em repouso. O miocárdio consome 65% a 80% do oxigênio oferecido pela circulação coronariana.
De acordo com a anatomia e fisiologia das coronárias, quando elas recebem aporte sanguíneo para nutrir o miocárdio, localizam-se imediatamente acima da válvula

a) mitral e recebem o aporte sanguíneo durante a sístole
b) tricúspide e recebem o aporte sanguíneo durante a diástole
c) aórtica e recebem o aporte sanguíneo durante a sístole
d) aórtica e recebem o aporte sanguíneo durante a diástole
e) mitral e recebem o aporte sanguíneo durante a diástole

51- Tensão da parede ventricular no final da diástole e estresse da parede ventricular durante a sístole são determinantes fisiológicos do sistema cardiovascular que compreendem o(a)
a) hipertensão pulmonar
b) fechamento das válvulas tricúspide e mitral
c) fechamento das válvulas aórtica e pulmonar
d) hipertensão arteial sistêmica
e) pré-carga e pós-carga

52- A medida da força dos músculos respiratórios é determinada pela mensuração da pressão inspiratória máxima (PiMáx) e expiratória máxima (PeMáx). O valor, que indica fadiga muscular respiratória em cmH²O, é
a) -90 a -120
b) -70 a -45
c) <=20 d) 40 a 55 e) -40 a -25

53- Em condições patológicas, o tipo respiratório se modifica ou se inverte. O ritmo respiratório que se caracteriza por uma fase de apnéia seguida de incursões inspiratórias cada vez mais profundas até atingir um máximo, para depois vir até nova pausa, é a respiração
a) de Biot
b) de Kussmaul
c) de Cheyne-Stokes
d) suspirosa
e) diafragmática

54- A.D., 20 anos, vítima de acidente de carro. Na admissão apresentou a seguinte avaliação: abertura ocular ao comando verbal; ao estímulo em MMSI, não apresentava resposta; orientada e colaborativa durante a avaliação. De acordo com a escala de coma de Glasgow, a pontuação desta paciente é
a) AO=4; RM=6; RV=1
b) AO=3; RM=1; RV=5
c) AO=2; RM=5; RV=2
d) AO=3; RM=6; RV=3
e) AO=1; RM=1; RV=4

55- O paciente portador de doença pulmonar obstrutiva crônica apresenta algumas particularidades quando se observa sua imagem radiológica, como por exemplo
a) a diminuição do volume pulmonar
b) a hiperinsuflação pulmonar
c) a diminuição dos espaços intercostais
d) as cúpulas diafragmáticas dispostas com certa curvatura
e) o aumento da trama vascular pulmonar

56- Após procedimentos de admissão na UTI, foi passado um acesso venoso central via artéria subclávia direita e uma sonda nasogástrica. Em seguida, solicitou-se um RX de tórax, que evidenciou hipertransparência em hemitórax direito com desvio do mediastino contralateral. Na ausculta pulmonar, observou-se murmúrio vesicular abolido em hemitórax direito, sem ruídos adventícios audíveis. Baseado nos exames físico e radiológico, pode-se afirmar que o paciente apresenta
a) pneumotórax em hemitórax direito
b) atelectasia em hemitórax direito
c) homotórax em hemitórax direito
d) empiema em hemitórax direito
e) atelectasia em em hemitórax esquerdo

57- Na ventilação mecânica com pressão positiva, o ciclo ventilatório compreende-se de
a) autociclagem, apnéia, fase inspiratória e fase expiratória
b) disparo, ciclagem, fase inspiratória e insuflação
c) fase inspiratória, ciclagem, fase expiratória e disparo
d) apnéia, fase inspiratória, ciclagem e disparo
e) fluxo, fase expiratória, disparo e apnéia

58- Em algumas modalidades ventilatórias, quanto aos modos ventilatórios de duplo controle, é correto afirmar que o ventilador
a) controla tanto o volume quanto a pressão
b) controla o volume e a pressão é variável
c) controla a pressão e o volume é variável
d) permite que o paciente ventile espontaneamente, sem pressurização
e) garante o volume corrente e proporciona ciclos controlados a pressão

59- O modo PAV foi desenvolvido para aumentar ou dminuir a pressão nas vias aéreas em proporção do esforço amplificando o volume ou fluxo e auxiliando na sincronia ventilatória. Para este modo ser utilizado, é necessário que o paciente
a) esteja sedado e curarizado
b) já tenha sido desmamado da VM
c) esteja respirando espontaneamente
d) esteja com alterações neurológicas
e) tenha traqueostomia ocluída

60- É considerada contraindicação à continuação da sessão fisioterapêutica
a) a taquidispnéia induzida pelo esforço
b) o "rusch" cutâneo
c) a sudorese produzida pelo esforço
d) as arritmias ventriculares
e) o aumento da FC


Como fazer download no 4shared

Termos de uso

Ano IX - © Tânia Marchezin - Fisioterapeuta - Franca/SP

  ©Template Blogger Green by Dicas Blogger .

TOPO