Distúrbio cálcio Hipercalcemia

Caracterizado por cálcio maior 11 mg/dl, geralmente é assintomática, embora valores maior 13 mg/dl estejam associados a alterações do estado mental (letargia, psicose), fraqueza muscular e arreflexia profunda, redução da peristalse e constipação, além de arritmias cardíacas. O ECG mostra encurtamento do intervalo QT. As principais causas de hipercalcemia encontram-se relacionadas na Tabela 8.
O tratamento dos casos com cálcio maior13 mg/dl (sintomáticos ou não) e de todos os sintomáticos (independentemente do nível sérico), deve objetivar a redução dos níveis de cálcio através da diminuição do aporte (via enteral ou parenteral); do aumento da excreção renal, utilizando-se soro fisiológico (20 ml/kg associado à furosemide, 1 mg/kg/dose de 6/6 h); da redução da mobilização do cálcio ósseo (mitramicina 25 mcg/kg em SG 5%, EV em 3 a 6 h) e da redução da absorção intestinal, além do tratamento da causa básica.

Clique na imagem para ampliá-la


Autores: Arnaldo Prata Barbosa, Jaques Sztajnbok

Seja o primeiro a comentar

Postar um comentário

Por gentileza deixe seu nome ou apelido, mesmo que fictício. Comentários anônimos não serão respondidos.

Como fazer download no 4shared

Termos de uso

Ano IX - © Tânia Marchezin - Fisioterapeuta - Franca/SP

  ©Template Blogger Green by Dicas Blogger .

TOPO