Organização de propostas terapêuticas utilizando reações posturais

Após a apresentação das reações posturais é importante sugerir como se organiza sua utilização na prática clínica. Neste momento, serão apresentados os fatores fundamentais para propiciar estímulos por meio das reações posturais:

a) Velocidade do estímulo: sendo o terapeuta o responsável por oferecer e controlar o estímulo, deve estar atento na velocidade do estímulo oferecido; quanto mais rápido for o estímulo, mais rápido ocorrerá o deslocamento do centro de gravidade o que dificultará a resposta por meio da reação de equilíbrio, mas induzirá uma resposta motora por meio da reação de proteção.

b) Intensidade: outro fator que o terapeuta deve observar é a intensidade do estímulo, compreende-se por intensidade a quantidade de força exercida para deslocar o centro de gravidade. Quanto mais intenso for o estímulo maior será o recrutamento muscular necessário para responder ao estímulo. No entanto, este maior recrutamento, dificulta a resposta motora por meio da reação de equilíbrio, o que facilitará a resposta por meio da reação de proteção.

c) Permanência: compreende-se por permanência, o tempo de estímulo sobre o paciente. Neste caso, quanto mais tempo se mantém o deslocamento do centro de gravidade, mais tempo o paciente estará utilizando a reação de equilíbrio, aumentando o tempo de recrutamento dos grupos musculares. Novamente, muita permanência no deslocamento do centro de gravidade, mais difícil será a manutenção da postura, o que facilitará a resposta por meio da reação de proteção.

d) Local do estímulo: assim que o terapeuta opta por utilizar o deslocamento do centro de gravidade, por meio de um manuseio direto no corpo do paciente. É importante escolher um ponto de contato, o qual pode ser uma articulação ou segmento.

e) Direção do estímulo: deve-se sempre lembrar que, independente da posição, o deslocamento do centro de gravidade definirá a direção da resposta do paciente, ou seja, a reação de equilíbrio, provavelmente, será para o lado oposto do deslocamento do centro de gravidade. No entanto, a reação de proteção será para o mesmo lado do deslocamento do centro de gravidade. O terapeuta é que irá definir qual será o estímulo mais adequado para cada paciente.

f) Base de sustentação: dependendo do paciente, pode-se optar em deslocar o centro de gravidade sem o contato do terapeuta, mas sim, utilizando diferentes materiais que propiciam uma base de sustentação instável, induzindo o paciente a realizar reações de endireitamento, equilíbrio e proteção.

g) Atrito: um fator que influencia as reações posturais é o atrito oferecido pela base de sustentação. Dependendo do paciente e do objetivo terapêutico, ao diminuir ou aumentar o atrito propicia-se mais estabilidade ou instabilidade. Quanto maior o atrito com a base de sustentação, mais fácil é para manter a postura e realizar o movimento. Assim como, quanto menor o atrito, mais difícil será para o paciente manter a postura e realizar movimento, o que induzirá o maior recrutamento muscular.

h) Alterar estímulo: independente do paciente é sempre importante variar o estímulo oferecido, todos os pacientes necessitam de uma integração das reações de endireitamento, equilíbrio e proteção. Por isso, aconselha-se que o programa terapêutico seja organizado com atividades que alternem a velocidade, intensidade, direção, permanência e etc.

i) Determinação da resposta: o terapeuta deve estar atento em realizar o estímulo de acordo com a necessidade e o programa terapêutico do paciente. Caso a intenção seja estimular a reação de equilíbrio deve-se estar consciente de realizar o estímulo adequado para obter a reação desejada. Caso contrário pode-se estimular reação de equilíbrio e obter resposta de reação de proteção.

A tabela a seguir apresenta como alguns destes fatores influenciam nas reações:

Clique para ampliar a imagem


Seja o primeiro a comentar

Postar um comentário

Por gentileza deixe seu nome ou apelido, mesmo que fictício. Comentários anônimos não serão respondidos.

Como fazer download no 4shared

Termos de uso

Ano IX - © Tânia Marchezin - Fisioterapeuta - Franca/SP

  ©Template Blogger Green by Dicas Blogger .

TOPO