Questões de concursos fisioterapia parte 1


Questões de diversas banca. ATENÇÃO: Os gabaritos são os fornecidos pelas bancas e o blog se exime de possíveis discordâncias. Utilize os comentários e debata sobre o tema.


1) A pontuação clínica, amplamente utilizada durante o estágio agudo de recuperação nos casos de coma, é a escala de:
(a) Jenett
(b) Teaslade
(C) Glasgow
(d) Babinski
(e) Hopenfeld

2) Como providência prioritária da fisioterapia respiratória nas atelectasias temos:
a) os padrões expiratórios com aumento do tempo
b) a estimulação da tosse
c) o posicionamento sobre o lado da atelectasia
d) a estimulação da inspiração
e) a nebulização ultra-sônica

3) A fisioterapia respiratória é tratamento indispensável nos casos de:
a) asma
b) carcinoma brônquico
c) pneumotórax
d) mucoviscidose

4) Um dos agentes etiológicos de enfisema pulmonar é a:
a) deficiência de alfa 1 antitripsina
b) presença de protease inibidora nos alvéolos
c) hiper-secreção brônquica
d) surfactante bronquial instável
e) fadiga dos músculos inspiratórios
6) Como exemplo de músculos inspiratórios principais temos:
a) escalenos
b) intercostais internos
c) intercostais externos
d) esternocleidomastoideo
e) rombóides

7) A soma do volume residual com o volume de reserva expiratória corresponde:
a) à capacidade vital forçada
b) ao volume máximo expiratório forçado
c) à capacidade expiratória
d) à capacidade residual funcional
e) ao índice de T. Pinelli

9) Nos exames radiológicos de pacientes com enfisema pulmonar, observa-se:
a) o aumento do espaço retroesternal
b) a elevação das cúpulas diafragmáticas
c) a diminuição de volume pulmonar
d) a diminuição dos diâmetros torácicos
e) a presença de cavidades com nível hidroaéreo

10) A intercomunicação dos alvéolos acontece através:
a) dos vasos intercomunicantes e ductus acinares
b) dos ductus acinares e foramens alveolaris
c) dos poros de Kohn e canais de Lambert
d) da membrana alveolocapilar e canais de Lambert
11) No caso de alvéolos bem ventilados e mal perfundidos, ocorrerá:
a) o aumento do volume residual
b) o efeito espaço morto
c) o efeito Shunt
d) a diminuição da capacidade residual funcional
e) o efeito de Histerese

12) Em que circunstância encontramos o paciente com respiração paradoxal?
(a) na recuperação pós-anestesia
(b) no pródromo de de crise asmática
(c) no edema agudo pulmonar
(d) no pós-frenectomizados
(e) no derrame pleural

13) A complacência pulmonar aumentada é encontrada nos casos de:
a) sarcoidose
b) atelectasia
c) fibrose
d) edema pulmonar
e) enfisema pulmonar

14) A respiração glossofaríngea é indicada nos casos de:
(a) pós-pneumectomia
(b) tetraplegia
(c) paresia frênica
(d) pós-operatório de cirurgia cardíaca
(e) dispnéia suspirosa
16) O emprego de aerossóis broncodilatado-res em pacientes que vão se submeter às provas funcionais ventilatórias está relacionado com:
(a) testes de provocação brônquica
(b) pletismografias
(c) espirografias bronco-seletivas
(d) testes farmacodinâmicos
(e) testes de indutância brônquica

18) Para promover endurance dos músculos inspiratórios, a conduta indicada é:
(a) realizar respirações com carga resistida inspiratória
(b) utilizar o padrão inspiratório do tipo solução
(c) utilizar o padrão inspiratório com sustentação final progressiva
(d) realizar respiração com tempo inspiratório curto e tempo expiratório prolongado
(e) fazer exercícios enchendo bolas ou luvas de borracha

19) Na cinesioterapia, a energia necessária fornecida pelo oxigênio inspirado é denominada:
(a) isotônica
(b) anaeróbica
(c) isométrica
(d) aeróbica
(e) isocinética

20) Considere um paciente com derrame pleural à direita, que apresenta ao Raios X velamento total do seio costo-frênico direito. O decúbito que será mais restritivo da ventilação pulmonar é o:
(a) dorsal
(b) lateral direito
(c) lateral esquerdo
(d) ventral
(e) dorsal com inclinação superior a 45°

21) São objetivos prioritários da fisioterapia respiratória em D.P.O.C.:
(a) a umidificação das vias aéreas e a drenagem das secreções brônquicas
(b) o controle muscular respiratório e a reeducação da tosse produtiva
(c) o treinamento para força e endurance dos músculos inspiratórios
(d) o aumento da mobilidade da caixa torácica e o desenvolvimento da capacidade diafragmática
(e) a mobilização das secreções brônquicas e a redução do trabalho respiratório

22) As qualidades consideradas indispensáveis aos aerossóis são:
(a) volatização, deposição e fragmentação
(b) penetração, evaporação e difusão
(c) estabilidade, penetração e depósito
(d) difusão, estabilidade e fragmentação
(e) solubilidade, permeabilidade e depósito

25) O deslocamento cefálico do diafragma ocorre, comumente, nos casos de:
(a) mal asmático
(b) pneumotórax
(c) enfisema pulmonar
(d) derrame pleural
(e) ascite

26) A função da surfactante é:
(a) diminuir a tensão superficial dos alvéolos
(b) aumentar a tensão superficial dos alvéolos
(c) diminuir a pressão coloidosmótica nos alvéolos
(d) aumentar a pressão coloidosmótica nos alvéolos
(e) equilibrar a pressão hidrostática do plasma alveolar

27) O tempo ideal para mudanças de decúbito em pacientes em coma na UTI, para prevenir formação de escaras, é:
(a) 3 em 3 horas
(b) 2 em 2 horas
(c) 4 em 4 horas
(d) 5 em 5 horas
(e) 6 em 6 horas

28) O sinal de Homans positivo demonstra a presença de trombose venosa profunda no segmento de:
(a) coxa
(b) braço
(c) perna
(d) antebraço

32) Dos quadros clínicos abaixo, no ponto de vista da mecânica pulmonar e torácica, aquele que não pode limitar a performance física é:
(a) esclerose múltipla
(b) asma brônquica
(c) lordose lombar
(d) tumor cerebral
(e) miastenia




Gabarito


1-C 2-D 3-D 4-A 6-C 7-D 9-A 10-C 11-B 12-D 13-E 14-B 16-D 18-A 19-D 20-B 21-E 22-C 25-E 26-A 27-B 28-C 32-C 

Seja o primeiro a comentar

Postar um comentário

Identifique-se para uma troca saudável

Como fazer download no 4shared

Termos de uso

Ano IX - © Tânia Marchezin - Fisioterapeuta - Franca/SP

  ©Template Blogger Green by Dicas Blogger .

TOPO